Nova Sede do Grupo Ageas Portugal no Porto com Serviço da DDN

O ambicioso projeto de escritórios que o Grupo Ageas Portugal pretende fazer crescer na cidade do Porto, nasce da clara aposta desta multinacional na valorização e expansão da marca no território nacional.

O Projeto de Arquitetura é da autoria do Arqº Luís Pedro Silva e promete evidenciar características ímpares da engenharia de construção, sendo a Civilria, a empresa responsável pela promoção.

O edifício projetado tem uma forma de elipse, destacando-se em diversos elementos construtivos formas circulares que aumentam a exigência e complexidade dos métodos construtivos tradicionais.

Foi com grande satisfação que a DDN abraçou mais um projeto para serviços de Fiscalização e Segurança e Saúde no Trabalho.

O edifício conta com uma área de implantação de 1936 m2, contíguo ao Nó de Francos no ramal que liga a VCI à Avenida AEP do lado sul.

Tem-se verificado uma crescente expansão de edifícios de escritórios nesta área, no entanto, o edifício do Grupo Ageas Portugal e os lotes vizinhos, propriedade da Civilria, vão evidenciar-se, graças à sua vertente arquitetónica e paisagística.

Num lote com aproximadamente 6000 m2, terá lugar um jardim de uso público que servirá dois edifícios similares, divididos por um lago, o que promove a interação do edifício com toda a população da cidade, não se limitando a servir os colaboradores que trabalham no edifício.

O edifício é composto por 8 pisos, sendo dois deles abaixo da cota da soleira, destinados a estacionamento privado. No piso 0 será feito o acesso a todos os pisos, através de 4 elevadores e três núcleos de escadas. Será um piso multidisciplinar, com áreas de trabalho formais, informais e de lazer. Destacam-se neste piso os espaços de Auditório, Cozinha, Restaurante, Bar e uma Esplanada com vista para o lago.

Figura 1 – Arranjos exteriores, jardim e lago


Dos quatro pisos superiores, o Grupo Ageas Portugal vai ocupar dois deles – Pisos Ageas, ficando os restantes para arrendar a outras empresas que se queiram ocupar o edifício. Todo o fit-out do piso 0 e pisos Ageas está a ser desenvolvido pela Broadway Malyan.


Figura 2 – Piso Ageas (Broadway Malyan)


Os acabamentos exteriores do edifício serão na sua maioria em betão à vista e em vidro com as características desejáveis ao conforto térmico e luminosidade expectáveis.

Ao longo do perímetro da elipse de cada piso, circundarão anéis em betão armado onde serão fixadas luminárias que permitirão a visibilidade noturna do volume edificado.


Figura 3 – Iluminação dos anéis


O Grupo Ageas Portugal tem a sustentabilidade integrada nas suas escolhas estratégicas. Por este motivo, este novo edifício terá uma preocupação energética, tendo o Grupo Ageas o objetivo de alcançar a certificação mundial "BREEAM", contribuindo, assim, para um mundo mais sustentável. Assim, todas as soluções adotadas têm em vista essa mesma classificação.

A empreitada teve início no mês de março depois de um período extenso de estudos de projeto, prevendo-se a sua conclusão no início de outubro de 2021.

Figura 4 – Panorama geral da construção
© DDN - Copyright 2020 | Privacidade
Developed by
OPTIMIZING CONCEPTS
Voltar ao topo